Yôga é simples e básico...

Simples


O Yôga é algo muito simples. Apenas uma tomada de consciência.

Não depende de nada. Pode ser instantâneo. Existe mesmo que nunca se tenha ouvido a palavra Yôga!

Apenas uma tomada de consciência...sobre a própria consciência!

Para a maioria das pessoas essa simplicidade esvazia o Yôga de sentido e valor. Não entendem nem aceitam. Sem ser difícil, complexo e até estranho não exerce fascínio. Convém que se fale de coisas concretas. Identificá-lo com algo material ou pelo menos tangível. Com nome. Tem de falar-se de efeitos, benefícios e vantagens, de preferência extraordinários. Melhor: mágicos!

Para que as pessoas comprem Yôga é preciso aprisioná-lo e reduzi-lo...de si mesmo!

1 comment:

sonia said...

É verdade! Tudo o que é (incrivelmente) bom é simples... porque só precisa de ser, mais nada! Complementa-se a si próprio! Completa-se!

E é por isso que quando me questionam: "Yôga? Porquê?"
adoro responder: "Porque sim!"